Ajudando Uma Amiga a Conhecer a Putaria

Desde quando comecei a transar eu sempre quis saber mais e mais sobre o sexo, fosse em conversas com amigos, pesquisas na internet, filmes e revistas pornô, praticando… Gosto de me satisfazer e satisfazer também meu parceiro, aprendi que sexo não combina nem um pouco com rotina e tudo pode ser novidade até as coisas mais simples. Camila é uma querida amiga minha de muitos anos, ela é evangélica desde sempre e se existe alguém que segue na linha da virtude esse alguém é ela. Camila até soube de algumas peripécias minhas achou tudo uma loucura mas nunca me julgou, sempre fomos muito confidentes uma da outra. Lembro-me do dia de seu casamento, foi muito lindo e emocionante ela e o marido se amavam demais, Camila casou-se virgem como deve ser segundo os ensinamentos de sua igreja. Ela permaneceu muito feliz durante um ano até ter um choque com a realidade e descobrir que nenhum relacionamento é sustentado apenas pelo amor, infelizmente. Recebi uma ligação dela perguntando se poderia vir me visitar para conversarmos, achei sua voz triste e disse lhe que poderia vir na hora que quisesse. Camila chegou e realmente estava triste e aflita, seu casamento não ia bem apesar de fazer só um ano não ia bem, ela demorou um pouco para me contar o real motivo da crise, mas num dado momento ela tomou coragem e falou que o marido não tinha mais tanto interesse em transar com ela, pouco a procurava para fazerem amor, a principio ela achou que ele estava com outra, só que numa investigação no histórico do computador ela descobriu que o marido via muitos vídeos eróticos, entrava em sites de sexo online, em bate papos e muitas outras coisas; surpresa e preocupada ela não sabia o que fazer então resolveu falar comigo. Fui muito clara com a Camila, disse-lhe que o problema era o sexo que eles faziam que caiu na rotina para o marido dela, provavelmente ele tinha perdido o interesse por fazerem sempre na mesma posição, expliquei-lhe que no fundo todos somos assim com relação ao sexo, todos queremos coisas surpreendentes e cada vez mais prazerosas. No inicio ela ficou confusa, mais depois compreendeu o que eu estava tentando lhe dizer e chegou a conclusão que precisaria mudar nesse sentido, e que para isso precisaria de minha ajuda. Resolvi ensina-la muitas coisas que eu sabia, mas decidi que isso seria por etapas afinal tudo seria novo para ela. Comecei levando-a numa loja que costumo comprar lingerie e mostrando-lhe uma calcinha fio dental, disse a ela que os homens adoram certamente o marido ia gostar de vê-la usando um, meio receosa ela comprou uma minúscula calcinha preta, também a fiz levar uma camisola preta de renda transparente a ideia era que quando seu marido chegasse em casa a encontrasse deitada de bruços na cama assistindo tv como se nada tivesse mudado, caso ele perguntasse alguma coisa ela poderia dizer que gostou das lingerie e resolveu compra-la, mas Camila queria mais, queria que eu lhe ensinasse algumas posições e não ficamos só na teoria não ela quis que eu mostrasse exatamente como fazia. Voltamos para minha casa e entramos no meu quarto Camila estava ansiosa pelas novidades, disse que ela faria o papel do marido e eu o dela, deitei ela na cama, sentei em cima dela alisei seu tórax como se fosse de um homem a olhei nos olhos e rebolei em cima dela disse que era assim que devia fazer rebolar em cima dele, também mostrei como ela devia ficar de quatro pra ele bem empinada e com a cabeça na cama e que também devia rebolar, disse também que quando sentisse vontade de fazer provocasse ele deixa bem claro que queria transar e fizesse sexo pela casa toda não se apegasse a um local só. No outro dia me liga Camila feliz da vida contando que tudo saiu como combinado e que teve umas das melhores noites com o marido, noites que se repetiram muitas vezes e por todos os cômodos. O tempo foi passando e cada dia que se passava ela queria mais e mais safadezas, chegamos ao sexo oral ela me contou que o marido a implorava por um boquete mas ela tinha medo de machuca-lo, demonstrei para ela chupando uma cenoura, dei beijinhos, lambidas no comprimento da cenoura e em sua base, depois chupei como se fosse a cabeça de um pau gostoso, então fui enfiando a cenoura toda na boca como se fosse engoli-la fazendo movimentos de sucção e vai e vem, Camila me olhava atentamente, também disse a ela que enquanto chupava o marido ela devia acariciar suas bolas com as mãos e depois chupa-las também, comentei que se ele quisesse chupa-la deixasse é muito gostoso ser chupada, poderiam fazer um 69 enfim… Faça o que der vontade e prazer a vocês dois. Foi assim que Camila entrou no mundo novo de prazer e putaria, ela descobriu que poderia ser uma puta para o marido dela. Eu fiquei feliz por ter feito isso por ela afinal safadeza é bom e todo mundo gosta!! FONTE: http://www.contoerotico.com.br/contos/ajudando-uma-amiga-a-conhecer-a-putaria/

Comentarios

Comentar

  • Não é permitida nenhuma tag HTML

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas de spam
Image CAPTCHA
Digite os caracteres que você vê.

Depoimentos recentes

Jayna, dupla penetração
Quero ver o video
1 ano 15 semanas atrás
VALENTINA
Boa Tarde Valentina Linda da pra você me dizer quanto e 2 horas...
1 ano 22 semanas atrás
Dei gostoso pro nosso vizinho na cama da esposa
moderação. Nossa fiquei com mto tesao. Qro comer um cuzinho zap...
1 ano 26 semanas atrás