Todo mundo espera algo do sábado a noite

A boate tava cheia.
As luzes piscavam incessantemente, o som estava dominando meus sentidos...
Algumas doses de whisky, algumas risadas, alguns amigos se jogando na pista...
O efeito do álcool em uma pista de luzes multicores é incrível.
E eu e Daniel estávamos ali, dançando um perto do outro.
Daniel sempre foi meu amigo. Meu melhor amigo. Sempre notei o modo como me tratava e me olhava, mas fingia que nem percebia seu interesse por mim...
Era uma boate gls, acho que por isso Daniel não estava tão a vontade e eu percebendo isso, comecei a embriagá-lo...
O efeito alcoolico nele foi arrebatador. Em menos de uma hora ele estava outro.
Eu estava outra.
Dançavamos perto um do outro, sempre, com movimentos sensuais.
O clima começou a esquentar...
Olhávamos um nos olhos do outro.
Algo estava diferente em Daniel aquela noite...
Aproximei-me de seu ouvido e disse, num sussurro..
-You look so beautiful tonight...
(Vc esta tão lindo essa noite)
Eu e Daniel sempre falamos em inglês, mania nossa.
Eu estava achando ele lindo...Transpassei minhas mãos sobre seus ombros, abraçando de frente, e dançando ao ritmo da musica, daquelas musicas eletronicas mais sensuais...
Ele cheirou meu pescoço e me abraçou na cintura.
Nossos corpos foram ficando cada vez mais proximo um do outro, de acordo com os movimentos da dança a gente se esbarrava.
Senti o pau dele crescendo, pois enquanto dançavamos eu passava os dedos em seu cangote e de tanto esbarrar acabou ficando excitado...
So de sentir seu pau duro passando em mim, assim, mesmo que rapidamente, comecei a ficar com tesão pelo Daniel.
Olhavamos firme um nos olhos do outro.
E ele arriscou um beijo.
No inicio, apenas encostou os labios macios nos meus, assim, de levinho, quase como se fosse uma brisa.
Insinuou beijar-me.
Mas nao me beijou, apenas me provocou, roçando os labios nos meus, sem passar a lingua.
Eu tentava beija-lo, mas ele sabendo como sou, que adoro provocar decidiu fazer-me provar do proprio veneno.
Roçava seu pau duro e latejante em mim, na minha xaninha, por cima das nossas roupas, em movimentos circulares ao ritmo da musica, a batida ia tomando conta da gente, o beijo, nao acontecia, ele apenas passava os labios nos meus...
Eu acariciava sua nuca enquanto ele ainda se mantinha atado a minha cintura.
Enfim, beijou-me.
Delicadamente, romanticamente.
Ha algum tempo ninguem me beijava romanticamente, sem pressa de terminar o beijo, querendo explorar cada pedacinho da minha boca, lingua e saliva...
O beijo do Dani é uma delícia...
De olhos fechados, eu escutava a musica alta, as luzes ainda multicores nao cessavam, e Daniel me mantinha em seus braços, beijando gostoso...
beijava minha boca deliciosamente bem, entao beijava meu rosto, percorria meu pescoço, dava leves lambidas e sugava em seguida, descendo ate o meu colo exposto na blusinha de lurex frente unica que deixava meus seios saltando...
beijava sem pressa...e eu estava sendo completamente tomada por um misto de desejo e paixão...
Nunca mais tinha sentido paixão por alguem, ainda mais apenas com um beijo.
Sempre pensei que um beijo as vezes é mais intimo do que uma transa, e aquele beijo estava sendo realmente isso.
Beijou-me demoradamente, e enfim, olhou-me nos olhos.
Eu estava com as pernas moles de tanto desejo, sentia minha xaninha molhada sob a sainha jeans...
Ele olhou-me, deu um sorriso e disse:
-Seu beijo é uma delicia, alguem ja te disse que voce beija maravilhosamente bem?
por incrivel que possa parecer, fiquei timida com essa simples colocação...
Ele pegou-me pelas mãos e fomos para uma parede que era mais escura na boate. Menos gente, menos luz,menos exposição.
Encostou-me na parede. Naquele canto, a luz era negra, apenas, nada de luzes que iluminavam mto.
Encostei-me na parede, ele veio perto, abaixou-se como se fosse pegar algo no chão e chegou bem pertinho da minha xana, mesmo de sainha jeans, eu pude sentir seu hálito quente perto dela, tocou minhas coxas, passou as maos pelas minhas pernas inteiras, subindo devagar..
beijou rapidamente minha barriguinha, que estava um pouco aparecendo e veio passando a mao, desde minha bundinha, subindo pelas costas, as duas mãos, ate chegar na nuca, me pegando pelo cabelo.
Ao mesmo tempo que deu uma pegada forte no cabelo, era cheio de paixão..
-sempre imaginei como seria ter vc perto...sempre quis saber teu gosto...teu cheiro...
e beijou-me novamente daquele jeito, sem pressa, mas cheio de tesão...
começou a me encoxar ali na parede, eu nao tinha as mãos em outro lugar que nao fosse em sua barriga, aproveitei pra levantar um pouco sua camisa, passando os dedos no limiar entre a calça e a cueca, as vezes ia mais fundo, como se fosse tocar seu pau que estav durissimo e dai recuava, pra provocar, puxava tb pelo cós da calça, como quem quer que chegue mais perto.
Dani estava tão carinhoso e ao mesmo tempo me deixando completamente doida, eu queria que ele me tocasse mais, me apertasse mais, estava perdendo os sentidos com ele.
Fora o perfume, Dani é mto cheiroso.
Ele fazia movimentos circulares e passava a mao na minha bunda, forçava minha bunda contra ele, me deixando com a minha grutinha bem pertinho do pau dele, e quando ele começou a respirar mais forte, eu senti que ele nao se aguentava mais de tesão.
olhei pra ele e disse:
-me leva daqui...
foi o que precisou pra ele se sentir seguro a me tirar dali, Daniel é tão apaixonado por mim que eu sabia que ele nao iria tomar a iniciativa de me dizer que queria me tirar dali...
Fomos saindo, ele me abraçou por trás e sentia seu pau na minha bundinha, demos tchau mto rapidamente pra todos e fomos indo em direção do meu carro e do dele.
Estávamos em dois carros. O estacionamento estava completamente cheio...
Entrei no meu carro, ele fechou a porta e ficou parado na janela.
-Onde vamos? perguntei..
-Me siga...vou te mostrar um lugar lindo.
Ele entrou no carro dele, e saiu do estacionamento. Eu fui atrás. A cada sinal fechado ele parava o carro do lado do meu, descia e vinha me dar um beijo, no meio da rua.
Um momento tinha um casal no carro do lado, no sinal, e quando o Daniel desceu e me beijou, ele olhou pro casal e viu que o casal sorriu pra ele, como que estivessem compactuando com o Dani. Ele gritou pra eles:
-Eu amo essa mulher!
E os dois riram no carro.
Fomos dirigindo, chegando então proximo ao Aeroporto daqui de Curitiba, que fica bem afastado do centro da cidade.
Ja eram umas quatro da manhã, ele parou o carro, eu parei atras, o som estava ligado e deixei assim.
Ele desceu, veio andando ate meu carro....Abriu a porta pra que eu saísse.
-Eu to adorando isso, Dani.
-Vc ainda nao viu nada....ele falou.
E me abraçou.
Começou a passar a mão por mim inteira, e de subito, abaixou meu decote da frente unica, deixando meus seios a mostra. A lua estava linda e nao tinha iluminação na via onde paramos, bem deserto mesmo. Eramos nos dois, os carros, a lua e a musica.
Ele ficou um tempo admirando meus seios, enquanto brincava com o biquinho....eu acariciava suas costas ele começou a me chupar os seios, com mta calma e paciencia, passava a lingua nos biquinhos e rapidamente eles ficaram durinhos.
Ele então deslisou a mão pela minha cintura e foi ate o botão da minha saia, abrindo e deslisando tambem o ziper, deixando completamente aberta, mas ainda no meu corpo.
Eu levantei a camisa dele, tirei a camisa dele, e arranhava as suas costas com as unhas enquando lambia sua orelha.
Ele delicadamente colocou a mão por dentro da saia, dentro da minha calcinha...ate chegar na minha grutinha,completamente encharcada e latejante, seu pau rapidamente deu sinais de excitacao e eu sentia ele duro na minha coxa, Dani enfiou o dedo por dentro da calcinha e quando sentiu que eu estava molhada ele deu um gemido, um gemido de prazer incrivel...
Tirou a mão de dentro da minha calcinha, e o melzinho que ficou no dedo dele, ele passou nos meus labios e lambeu depois.
Eu estava muito excitada com ele.
nunca tinha imaginado como Daniel era gostoso, sedutor. Ele estava me deixando maluquinha de desejo.
Nao estava mais aguentando de vontade de ter aquele homem inteiro pra mim, entao eu abri a calça dele e vi o tamanho do mastro do Dani...grande, realmente grande, grosso e meladinho, o pau dele saltou da cueca e eu fiquei louca de vontade de cair de boca nele, e foi o que fiz, Dani ficou louco, me segurava pelos cabelos, gemia alto, gemia de prazer, ficava dizendo, me chupa gostoso, me chupa que eu to com mto tesao, vc e um tesao, que boca e essa, quentinha e deliciosa...
e eu chupava com vontade, com os seios pra fora da blusa, ajoelhada no meio da rua, de madrugada, chupava o pau dele, inteiro, da base, passando pelo saco ate chegar a cabecinha, onde eu demorava mais, lambia, chupava, mordia de levinho, e ele segurava minha cabeça, fazia carinho no meu cabelo e gemia.
Mto gostoso ouvir um homem gemendo ao ser chupado.
Entao, comecei a punhetar ele com uma mao e chupava gostoso, eu chupava que sentia o pau dele bater na minha garganta e ia aumentando o ritmo, eu senti que ele começou a me foder a boca, fazia movimentos com o quadril de vai e vem e entao me segurou com mais violencia os cabelos, e as palavras mudaram um pouco, ele estava completamente tomado de desejo e dizia, vai gostosa, me chupa gostoso que eu gozo nessa boquinha linda, chupa, chupa com jeitinho, nossa, nunca ninguem me chupou assim, mama gostoso...
eu obedecia e ele começou a estremecer e entao gozou na minha boquinha, eu continuava chupadno de mexendo gostoso nas bolas dele enquanto sentia o leite do meu macho na minha boca e engoli tudo.
Deixei ele limpinho, beijei a cabecinha do pau, a barriga, e a boca, ele me virou de costas e me apoiei no teto do carro, minha barriga estava colada no vidro da porta traseira, e ele levantou minha saia jeans, ficou meio ruim, mandou eu tirar a saia.
Ele se afastou e eu tirei a saia, ficando de calcinha no meio da rua.
Ele veio perto, e com o pau ainda fora da calça, tirou minha calcinha, colocou em cima do teto do carro.mandou eu abrir as pernas e ele abaixou-se e senti a lingua dele na minha xana
lambeu os labios, senti a pontinha da lingua no meu grelinho e entao, ele me penetrou com a lingua....ah como eu adoro ser fodida com a lingua....adoro...
enfiava de mansinho a lingua, sentia meu mel escorrendo....lambia gostoso, eu ali, de pernas abertas, com a bundinha empinadinha e ele me fodendo com a lingua. ele me segurava pela bunda, e alisava a minha bunda enquanto enfiava lingua em moviemntos deliciososo, chupava gostoso, enfiava a lingua no meu cuzinho tb, e eu estava morrendo de vontade de que ele enfiasse os dedos na minha grutinha enquando lambia e ele parece que adivinhou.
Enfiou um dedo, dpois dois....e fazia eles entrarem e sairem....eu estava encharcada de desejo, e ele gemia cada vez q enfiava a lingua, e sentia meu gosto...
eu gozei assim que ele me penetrou com a lingua e enfiou um dedo no meu cuzinho.
Ele levantou-se e colocou a cabeça do pau na minha xana, eu senti aquela cabeça enorme entrando e fui ao delirio, ele colocava so um pouquinho e tirava, colocava de novo e tirava, eu começei a rebolar e ele disse
- se vc rebolar desse jeito eu gozo rapidinho, vc e mto gostosa.
e eu rebolava ainda mais, devagarinho, e ele nao aguentou, me enfiou tudo de uma vez, me fodeu com força, ele dava estocadas fortes e duras, eu tava nas nuvens com Daniel, ecostada no meu carro, com as maos em cima do teto do carro, a barriga no vidro, o seios fora da blusa, sem saia, sem calcinha...ele me estocava gostoso, vai e vem, vai e vem, me fodia incrivelmente bem, mordia meu ombro, dai me chamava de gostosa...
-rebola pro teu macho, gostosa.....rebola, que eu to gostando...
e eu rebolava pra ele, e pedi que ele me desse uns tapinhas no bumbum...
ele adorou e me batia gostoso, enchia a mao mesmo, e aquele barulho estralava na minha bunda, enquanto ele estocava com força, eu sentia minha xhaninha inteira preenchida por aquele pau maravilhoso...
ele me mordia e as estocadas ficavam cada vez mais rapidas....
mas eu queria que ele me fodesse de quatro.
-Espera Dani
E pedi que ele saisse de dentro de mim
eu abri a porta do carro e fiquei de quatro, com a bundona pra cima, de joelho no banco do motorista e as maos no banco do lado, olhei pra tras e chamei...
-vem me foder gostoso, vem Dani....
ele veio e abriu minha bundinha, ficou olhando meu cuzinho, enfiou um dedo na minha xaninha molhada e molhou meu cu....abaixou-se e deu uma linguadinha nele...e enfiou toda a pica grossa na minha xana, eu gemia que nem louca, de tanto prazer e ele estocava profundamente, me dando taopinhas na bunda, foi quadno eu nao aguentei de tesao e gozei, gozei forte, e a minha xana latejava tanto e tao forte que ele sentiu e disse que ia gozar tambeme, entao eu disse
-nao, Dani, goza no meu cuzinho..
Imediatamente ele tirou a pica encharcada de meu gozo da grutinha apertada e meteu com força no meu cu, eu senti aquela dor enorme, pq ele nao foi nenhum pouco gentil, mas meteu tudo de uma vez,e a dor foi grande eu gritei ele nem ligou meteu tudo. Ja nao era mais aquele Daniel carinhoso, tava tomado pelo desejo....e enfiou o pau grosso no meu cuzinho.....ele estocou umas vezes e a dor passou a ser prazer indescritivel...eu disse que tava mto bom, que ele era uma delicia,,,,,ele segurava minha bunda e me batia e disse
-quer que eu goze onde...
-dentro do meu cuzinho..
-vc quer que eu goze...
-vai Dani, dentro do meu cuuuu
-sua gostosa, esse e o cuzinho mais apertado que eu já comi....eu nao to aguentando de prazer, te ver de quatro é mto bom, vc e mto gostosa, Ju...
e entao, ele deu umas tres bombadas e gemeu forte e eu senti a ultima estocada mais forte ainda entao ele parou de estocar meu cu com força, eram movimentos mais fracos e a porra dele encheu meu cuzinho....ele caiu por cima de mim, ainda com o pau la dentro, e disse
-eu sou completamente louco por vc, Ju...nao acredito que vc fez do meu sabado o mais perfeito de todos..
Entao, ele tirou o pau de dentro do meu cuzinho e o gozo dele escorreu pela minha coxa....
eu levantei, so de blusinha, nos beijamos mais uma vez, longa e demoradamente...
ele me limpou com a minha calcinha que tava no teto do carro, e guardou no bolso da calça dele....disse q queria lavar e me entregar..
eu sorri e ele pegou minha saia, colocou em mim, fechou o botão...
Ajeitei minha blusinha, os seios dentro dela....fechei a calça dele...
Ele colocou a camisa no ombro... Eu disse que estava tarde, tava praticamente amanhecendo...
Então, eu entrei no carro. Ele entrou junto. Sentou-se do meu lado....
E ficamos ainda um tempo, abraçados, vendo alguns aviões que chegavam e saiam...
Acabamos indo cada um no seu carro pra minha casa, e dormimos juntos...
Daniel é uma delícia de homem...
E ainda fizemos mto mais de manhã..Mas outra hr eu conto...

Créditos: Julie - http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=70058

Depoimentos recentes

Roberta
Essa mulher é maravilhosa, essas fotos são reais mesmo, vale...
4 semanas 1 dia atrás
Bruna Lisboa
Eu tive o prazer de estar com essa princesa em Maceió no começo...
33 semanas 3 dias atrás
Bruna Lisboa
É a mesma da foto, muito gata e educada. Recomendo, sabe transar...
38 semanas 5 dias atrás